Planos de saúde pressionam Maia a engavetar projeto que suspende reajustes

Representantes de operadoras estiveram na semana passada com o presidente da Câmara, para tentar barrar o texto que suspende reajustes por 120 dias

As grandes operadoras de saúde estão preocupadas com projeto aprovado na semana passada no Senado que suspende o reajustes dos planos de saúde pelos próximos 120 dias.

O projeto está agora na Câmara e as operadoras lançaram uma força-tarefa para pressionar o presidente da Casa, Rodrigo Maia, e outras lideranças a engavetar o projeto.

Recentemente, estiveram com Maia para tratar do assunto João Alceu amoroso lima (Fenasaude), Reinaldo Scheibe (Abramge) e José Carlos Magalhães (Amil), entre outros.

Na semana passada, o Senado aprovou por 71 votos a 2, o parecer do senador Confúcio Moura ao projeto 1.542, de 2020. O texto suspende por 120 dias o reajuste dos planos de saúde.

Fonte: Veja – 09/06/2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *