Consumidor 4.0 na área de saúde é pauta de discussão no 24º Congresso Abramge

Trabalhar reputação e relacionamento com o cliente no setor de saúde nunca foi tão importante como agora.

 

Com o surgimento de novas tecnologias, como o Big Data, o Business Intelligence e a Inteligência Artificial, entre outras, os consumidores mudaram, inclusive os da área de saúde. Entendê-los, portanto, será imprescindível para engajá-los e estreitar o seu relacionamento com a instituição. Mas, por onde começar? Quais serão as mudanças que as instituições terão que passar? Estas e outras questões relacionadas às tendências e transformações do mercado serão apontadas no 24º Congresso Abramge, nos dias 22 e 23 de agosto, no Hotel Renaissance, em São Paulo.

Cultura digital

O Brasil cresceu, em apenas um ano, cerca de 10 milhões com relação ao número de internautas. O interessante deste dado é que os idosos representam a faixa etária com maior alavancagem de novos usuários da rede, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Outra informação curiosa é que a área rural foi a que registrou maior expansão no número de domicílios conectados, que chegaram a 41%; nas áreas urbanas subiu para 80%. Além disso, o celular continua sendo o principal dispositivo para usar a internet, responsável por 98% dos acessos.

Você deve estar se perguntando o que tudo isso representa para o sistema de saúde, não é mesmo? Significa muito, pois muda completamente a forma como as instituições devem se relacionar com seus consumidores, assim como seus colaboradores administrar as atividades. Isso quer dizer que tecnologia não é mais coisa do futuro, mas sim do cenário atual. Desta forma, envolve a implementação de uma cultura digital nas empresas do setor com adoção de soluções de TI e processos de comunicação que tragam efetivamente transformação.

A partir daí, acompanhar a jornada do paciente será fundamental. Afinal, será preciso entendê-lo, mesmo antes de chegar à unidade de atendimento, para prestar atendimento e gerar uma experiência positiva.

Para aprofundar a discussão sobre o tema, especialistas da área vão se reunir no 24º Congresso Abramge que terá um painel voltado para a questão. O evento acontecerá nos dias 22 e 23 de agosto, em São Paulo.

 

Sobre o 24º Congresso Abramge

O maior evento de Saúde Suplementar do Brasil, o 24º Congresso Abramge, reunirá, nos dias 22 e 23 de agosto, os principais agentes do Sistema de Saúde – agência reguladora, operadoras, hospitais, clínicas, laboratórios, profissionais de saúde – em torno do tema “Saúde Suplementar: Desafios e Perspectivas – As Transformações de um Setor Dinâmico”.

Estarão presentes o Dr. Luiz Henrique Mandetta, hoje, Ministro da Saúde do Brasil, o Dr. Dráuzio Varela (renomado profissional de saúde), Rodrigo Rodrigues Aguiar (Diretor da ANS), Erika Fuga (Diretora na Sul América), Caio Soares (Diretor Médico da Teladoc Health), Walmoli Gerber Júnior (Diretor da Acate Startups), Lais Perazo (Diretora do Américas Serviços Médicos), Ney Paranaguá (CEO da Infoway) e Henry Vargas/ Klauss Durães (palestrantes e ilusionistas) em uma programação que abarcará as tendências do mercado. Telemedicina e como ela pode trazer resultados; Consumidor 4.0; e Modelos de pagamento são apenas alguns exemplos das discussões que farão parte desta iniciativa.

Acesse abramge.com.br/congresso para saber mais e faça sua inscrição.

Serviço: 24º Congresso Abramge

Data: 22 e 23 de agosto
Local: Hotel Renaissance (Alameda Santos, 2233 – São Paulo)
Programação completa e inscrições:
http://abramge.com.br/congresso

Informações à imprensa:

Gustavo Sierra
11 3289 7511 | 11 985580116
gustavo.sierra@abramge.com.br

Marcos Gronchi
11 3289 7511
marcos.gronchi@abramge.com.br

Sobre a Associação Brasileira de Planos de Saúde – Abramge – A entidade sem fins lucrativos inclui cerca de 150 operadoras de planos de saúde associadas. O principal objetivo estabelecido desde a sua fundação, em 8 de agosto de 1966, é representar institucionalmente, junto aos órgãos federais, estaduais e municipais, as empresas privadas de assistência à saúde em atuação no território nacional. O chamado Sistema Abramge engloba ainda o Sindicato Nacional das Empresas de Medicina de Grupo (Sinamge), o Sindicato Nacional das Empresas de Odontologia de Grupo, (Sinog) e a Universidade Corporativa Abramge (UCA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *